Galiza - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Galiza

Tenho duas perguntas a fazer.

1) Que acham do fato / facto de que a Academia Brasileira de Letras escreve sempre Galícia e não Galiza para a região (nação) cuja capital é Santiago de Compostela? Está errado escrever assim esse nome? Segundo o professor Napoleão Mendes de Almeida, que aprecio muito, Galícia é uma região da Polônia / Polónia.

2) No começo da minha pergunta, utilizei «Que acham...» e não «O que acham...» É melhor utilizar a primeira forma como argumenta o professor Mendes de Almeida? Qual é a vossa opinião?

Daniel Taddone S. Paulo, Brasil 3K

Por motivos alheios à nossa vontade, só agora respondemos a estas perguntas, que recebemos em 25 de Maio.

1. Napoleão Mendes de Almeida tem razão. O termo registado no Vocabulário de Rebelo Gonçalves – Galiza – emprega-se em Portugal, pelo menos, desde 1258 (José Pedro Machado, "Dicionário Onomástico e Etimológico").

2. Pessoalmente, emprego sempre o interrogativo que. Ciberdúvidas assim o tem recomendado. Mas alguns prontuários e gramáticas, fundamentando-se no uso generalizado, já consideram aceitável a forma o que em início de pergunta.

João Carreira Bom