«Episódio de quase morte súbita» e «evento com aparente risco de vida» (saúde) - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
«Episódio de quase morte súbita» e «evento com aparente risco de vida» (saúde)

Tenho-me confrontado com a tradução de «near miss sudden infant death syndrome» por síndrome de morte súbita do lactente abortada. Não me parece que o abortada esteja correcto (como em near drowning – que geralmente traduzo por pré-afogamento, mas não sei se correctamente). Existe uma forma mais adequada de traduzir o near miss nestas duas situações? Obrigada.

Manuela Correia Médica Lisboa, Portugal 3K

A forma inglesa near miss não encontra palavra em português que lhe seja equivalente exacto — várias traduções são possíveis em função do contexto. No caso vertente, uma alternativa à expressão apresentada pela consulente pode ser «episódio de quase morte súbita», que ocorre num artigo datado de 1999, disponível na Internet, onde se lê que a expressão deve ser substituída por «evento com aparente risco de vida» (sublinhado meu):

«Os chamados eventos com aparente risco de vida (apparent life-threatening events) ou ALTE foram definidos por Comissão do NIH em 1986 como eventos que aterrorizam o observador, caracterizados por uma combinação dos seguintes sintomas: apnéia (central ou obstrutiva), alterações da coloração da pele (cianose, palidez ou pletora), alteração no tono muscular (geralmente hipotonia), sufocação ou engasgo. Para o observador parece que a criança vai morrer. Esses episódios eram anteriormente denominados de quase morte súbita (near-miss SIDS). A mudança da terminologia foi proposta porque implicava uma associação muito estreita com a Síndrome da Morte Súbita do Lactente (SMSL).»

Noutro artigo médico ocorre «evento de aparente disco de vida», com a confirmação de que a expressão «near miss sudden infant death syndrome» deve ser substituída pela expressão «apparent life threatning event» (ALTE):

«O evento de aparente risco de vida (apparent life threatening event — ALTE), antigo “near-miss SIDS”, é uma entidade diferente da Morte Súbita do Lactente em vários aspectos [...].»

De qualquer modo, trata-se exemplos retirados de textos destinados a um público brasileiro especializado, pelo que pode ser diferente a expressão a ser usada entre profissionais de saúde portugueses. Por isso, foi-me sugerido que em Portugal, à semelhança do termo «sintomatologia prodrómica ao evento», usado em referência à morte súbita em atletas jovens, se poderiam criar expressões como «pródromo da SMSL» ou «SMSL prodrómica», tendo em atenção que o substantivo pródromo significa «sinal ou sintoma inicial de doença» e prodrómico é o adjectivo correspondente.1

1 Os meus agradecimentos à Dra. Ana Cristina Marques Guerreiro e ao Dr. António Levy Aires pela colaboração prestada (a sugestão terminológica é do segundo).

Carlos Rocha