Comer na gaveta - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Comer na gaveta

Diz-se que os algarvios comem dentro da gaveta, gostaria de saber a origem desta afirmação.

António Santos Portugal 6K

A afirmação os algarvios comem dentro da gaveta é, na opinião de José Baía, vereador da Cultura da Câmara Municipal de Tavira, incorrecta. A expressão que se costuma ouvir no Algarve é: os tavirenses comem dentro da gaveta. Segundo José Baía, que ouvimos a este especial propósito, a afirmação vem do tempo em que o comércio tradicional não fechava à hora de almoço. O comerciante metia o prato na gaveta do balcão e comia até lhe aparecer um cliente. Quando este lhe surgia, fechava a gaveta e atendia-o, recomeçando a sua refeição logo que o cliente debandava.

Embora esta expressão surja habitualmente num contexto depreciativo, saliente-se que não tem nada que ver com a realidade. Na verdade, Tavira, além de ser uma bonita cidade, tem uma população muito hospitaleira, dando-se até o contrário do que a citada afirmação deixa no ar. Sempre que um forasteiro entra num lar tavirense durante a hora de almoço, arrisca-se a uma zanga se recusar a comida que, de imediato, lhe oferecem.

Carlos Marinheiro