As conjunções e e nem - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
As conjunções e e nem

«Não! Não era a ansiedade demolidora o que ele queria; muito menos o ardor vil pelas curvas crescentes de lucratividade e (nem) o papel de mera peça descartável de uma gigantesca máquina de produção.»

Na frase acima é melhor empregar e, ou nem?

Obrigado.

Fernando Bueno Engenheiro Belo Horizonte, Brasil 5K

Na frase em análise deve empregar-se nem, uma vez que esta conjunção se usa na adição de unidades negativas, sendo a negação da conjunção e (nem = «e não»). A conjunção e emprega-se na adição de unidades afirmativas/positivas.

(1) Não! Não era a ansiedade (...), muito menos (também não era) o ardor vil (...), nem (e não) o papel de mera peça descartável (...).

(2) * Não! Não era a ansiedade (...) muito menos (também não era) o ardor vil (...), e o papel de mera peça descartável (...).

Em termos gramaticais, a frase 2 não se considera aceitável.*

* Ocorrendo dois elementos coordenados numa construção negativa é necessário utilizar nem de forma a possibilitar a sua própria coordenação, uma vez que e coordena elementos em que haja valor positivo/afirmativo. A utilização de uma ou outra conjunção implicará estruturas de diferente valor semântico.

Não obstante, pode-se objetar que há exemplos em que e e nem equivalentes:

i) A bandeira espanhola não é verde e vermelha.

ii) A bandeira espanhola não é verde nem (= e não é) vermelha.

Contudo, não isso que se verifica, porque a frase (i) significa que a bandeira em referência não tem as duas cores juntas, podendo inclusivamente continuar-se a frase dizendo «é amarela e vermelha»; pelo contrário, na frase (ii) declara-se que a bandeira não tem nenhuma das duas cores, tendo uma terceira.

A mesma objeção poderá ser levantada a respeito das seguintes frases:

iii) O João não encontrou o Jorge e a Rita.

iv) O João não encontrou o Jorge nem a Rita.

Mais uma vez, a ocorrência de nem e de e não têm igual interpretação: em (iii), o João não encontrou o Jorge e Rita juntos, embora possa ter encontrado um deles; a frase (iv) significa que o João não encontrou nenhum deles.

Soraia Valy Lourenço
Classe de Palavras: conjunção