Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Teófilo Braga
Teófilo Braga
748

Teófilo Braga (Ponta Delgada, 1843 – Lisboa, 1924), licenciado em Direito pela Universidade de Coimbra, foi um político, ensaísta e escritor Português. Lecionou Literatura no Curso Superior de Letra da Universidade de Lisboa, mas foi na escrita que se destacou. São da sua autoria obras poéticas Visão dos Tempos – 1864, Miragens Seculares – 1884, entre outras, textos de ficção Viriato – 1904, ensaios Bocage, sua Vida e Época 1877, Camões e o Sentimento Nacional – 1891 e antologias.

 

 
Artigos publicados pelo autor

O uso literário do português começou pelas formas poéticas, sob D. Sancho I (1154-1211) e principalmente quando os fidalgos que regressaram de França com D. Afonso III reproduziram como moda da corte o lirismo trobadoresco, que D. Denis aproximou da tradição popular. A redacção em prosa começou pelos latinistas eclesiásticos, traduzindo em português os Evangelhos e alguns livros moralistas dos Padres da Igreja.