Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Francisco Xavier de Oliveira
Francisco Xavier de Oliveira
629

Francisco Xavier de Oliveira (Lisboa, 1702 – Hackney, 1783) foi um escritor português. Em 1716, foi admitido no Tribunal dos Contos do Reino e, em 1729, feito Cavaleiro da Ordem de Cristo. Em 1734, foi nomeado embaixador de Portugal em Viena. Da sua obra, considerada um dos ataques mais violentos contra a Inquisição, destacam-se: Mémoires de Portugal (1741), Opúsculos contra o Santo Ofício (1942) e Recreação Periódica (1751).

 
Textos publicados pelo autor

Esta obra é engenhosa (1). Pretender a correcção da língua portuguesa foi um assunto de que ouvi sempre rir em Portugal. Se nessa matéria se não deve seguir tudo o que este autor escreveu, muitas regras se podiam tirar da sua invenção, para detestar algumas grosserias, que com pouco gosto conservamos no idioma português, as quais com pouco trabalho, e quase sem diferença, se podiam limar. Quanto aos vocábulos que acabam em ão como torrão, trovão, ladrão, sou bem contra eles, por...