Carlota Moura Veiga - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Carlota Moura Veiga
Carlota Moura Veiga
42

Socióloga. Tem mestrado em Ciência Política pelo ISCTE-IUL, com a dissertação O Estado e a família: as Políticas de apoio à família e o familismo como fatores de sustentabilidade do Estado-providência português (2014). Fez estágio curricular na Comissão de Segurança Social e Trabalho. Desde 2017, assistente de investigação no Observatório da Emigração.

 
Textos publicados pelo autor
Colonialismo e língua portuguesa
A propósito da emigração portuguesa para Angola depois de 2008

«Em Angola, ainda hoje, é considerado angolano alguém que fale bem português, que tenha um nome português» – afirma o geógrafo Asaf Augusto, na entrevista que concedeu à socióloga Carlota Moura Veiga (Centro de Investigação e Estudos de Sociologia – CIES-IUL) e na qual deu conta da sua investigação sobre o fluxo migratório de cidadãos portugueses para Angola na sequência da crise financeira mundial de 2008. Transcreve-se aqui, com a devida vénia, um extrato dessa entrevista, incluída em setembro de 2022 em OEm Conversations with, publicação periódica de entrevistas do Observatório da Emigração, do CIES-IUL do ISCTE-IUL.

Referência do texto integral; Moura Veiga, Carlota (2022), “Colonialismo e emigração portuguesa para Angola: entrevista com Asaf Augusto”, OEm Conversations With, 31, Observatório da Emigração, CIES, Iscte, Instituto Universitário de Lisboa.