Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Afrânio Peixoto
Afrânio Peixoto
515

Afrânio Peixoto (Lençóis, 1876 — Rio de Janeiro, 1947), foi um médico, político, professor, crítico literário, ensaísta, romancista e historiador brasileiro. Publicou entre outros: Rosa Mística (1900), História da Literatura brasileira (1930), Amor sagrado e amor profano (1942), Breviário da Bahia (1945), Livro de horas (1947).

 

 
Artigos publicados pelo autor

A maior surpresa de quem estuda a história do Brasil deve ser como o pequeno povo português, distraído aliás por interesses maiores nas Índias, conseguiu contra Franceses, Flamengos, Ingleses e Espanhóis, manter por três séculos a continuidade da posse e a unidade territorial de um domínio estendido por 39 graus de latitude e outros tantos de longitude, grande de oito milhões de quilómetros quadrados e exposto em oito mil quilómetros de costas às invasões marítimas.