Início Atualidades Notícias
Informação atualizada sobre todos os temas relativos à língua portuguesa.
Local Lingual pretende tornar-se numa «Wikipédia das línguas e dialetos» do planeta

Trata-se de uma plataforma digital que nos dá conta da diversidade linguística do nosso planeta, com informações complementares sobre cada país ou região abrangida. Longe ainda da totalidade dos idiomas e dialetos da Terra, os seus atuais 18 mil registos contemplam já as suas principais línguas – nelas incluídas o português na diversidade de pronúncias dos oito países que o têm como fala comum. Disponível desde janeiro último e mantido à base de participações colaborativas de qualidade e rigor desiguais, tem como objetivo tornar-se numa «Wikipédia das línguas e dialetos».

[in Jornal de Notícias de 23 de abril de 2017]

Dia 4/04/2017, 3.ª-feira, na RTP 1
Por Ciberdúvidas da Língua Portuguesa

À volta dos chocalhos, Património Imaterial da Humanidade desde 2015, gira o tema do oitavo programa da nova série do Cuidado com a Língua!, no seu cenário ex-libris de Alcáçovas, no Alentejo.

Por BBC

Cristang – «cristão» em português – é uma língua crioula que deriva do português e do malaio, integrando elementos do chinês, como o mandarim e o dialeto hokkien. No século XIX era falada por pelo menos duas mil pessoas, calculando-se apenas em 50 os seus atuais falantes em Singapura/Cingapura e outras poucas centenas espalhadas pela Malásia.

O novo interesse pela sua aprendizagem surgiu entretanto nesta cidade-Estado insular do sudeste asiático, por via de um grupo chamado Kodrah Kristang – algo como "Acorde o Cristang" – que oferece aulas gratuitas semanais da língua dos seus ancestrais de há 500 anos. 

Com uma afluência, já, de 200 alunos que assistem às aulas semanais, a ideia – como se conta nesta notícia da BBC Brasil, do dia 29/03/2017 – é que mais pessoas se tornem fluentes e, assim, transmitam o falar às gerações futuras.

Projeto na Internet desenvolvido na Escola Superior de Educação de Lisboa
Por Ciberdúvidas da Língua Portuguesa

Scriptorium é um centro de escrita que disponibiliza conteúdos e serviços para o incremento de competências no domínio da escrita académica em português. Desenvolvido na Escola Superior de Educação de Lisboa, destina-se a alunos e professores do ensino superior em geral, cuja atividade se organiza em três eixos, como se pormenoriza na página respetiva. (...)

Dia 28/03/2017, 3.ª-feira, na RTP 1
Por Ciberdúvidas da Língua Portuguesa

Programa 7 da nona série do magazine Cuidado com a Língua!.

Dia 21/03/2017, 3.ª-feira, na RTP 1
Por Ciberdúvidas da Língua Portuguesa

Programa 6 da nona série do magazine Cuidado com a Língua!.

dias 7 e 8 de setembro de 2017

O Centro de Linguística da Universidade do Porto está a organizar o 3.º Encontro A Linguística na Formação do Professor – das teorias às práticas educativas, que decorrerá nos dias 7 e 8 de setembro de 2017, na Faculdade de Letras da Universidade do Porto. (...)

Notícia da agência Lusa difundida por vários jornais e canais de rádio e televisão em Portugal, a propósito dos 20 anos da criação do Ciberdúvidas da Língua Portuguesa, com a assinatura da jornalista Cláudia Páscoa.

«Santiago foi o nome de rapaz mais escolhido em Portugal, em 2016, tendo destronado João, que se mantinha na liderança do ranking masculino há três anos. Já quanto às meninas, segundo dados do Instituto dos Registos e do Notariado, houve 5677 crianças registadas com o primeiro nome Maria, um número três vezes superior ao do segundo lugar da lista das raparigas, que pertence a Matilde. (...)»

[notícia do jornal português "Público", de 3 de janeiro de 2017]

«Nas línguas para as quais mais se traduz, o português está em oitavo, e é a 18.ª língua mais traduzida para outros idiomas. Dados da UNESCO relativos ao período que vai de 1979 a 2015 permitiram ainda aos autores do Novo Atlas da Língua Portuguesa, incluir informação mais detalhada, como a lista das línguas e países para os quais o português é mais traduzidos, e ainda os autores lusófonos mais traduzidos no mundo. (...)»

[Luís Miguel Queirós, Público, 15/11/2016]