Uma hesitação nada "exitada"... - Pelourinho - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Início Português na 1.ª pessoa Pelourinho Artigo
Uma hesitação nada "exitada"...
Uma hesitação nada "exitada"...
... num tropeção em duas palavras homófonas

Benfica até poderá a beneficiar um dia com a aquisição  do jogador sérvio Pavlovic... se, entretanto, o contratar mesmo. E só uma posterior – e vantajosa – transferência dele daria então sentido à legenda ao lado: «Benfica exita¹ nos valores [recebidos] por Pavloviv.» O que se pretendia informar, porém, era outra coisa: que o clube português hesita² em pagar os cerca de seis milhões de euros reclamados pelo passe do pretendido reforço. É no que dá a confusão no emprego destes dois verbos homófonos...  que só têm de semelhante a respetiva prolação.  Ou seja:  tratou-se apenas de uma hesitação  nada, mesmo nada, exitada!...

 

 ¹ Exita: 3.ª pessoa do singular do presente do indicativo do verbo exitar. Registado por alguns dicionários (Infopédia, Priberam, Dicionário Houaiss e Michaelis), significa «ter sucesso/êxito».

² Hesita: 3.ª pessoa do singular do presente do indicativo do verbo hesitar (= vacilar, duvidar).

 

[N.E. – A nota 1 foi alterada em 15/08/2019.]

Sobre a autora

Licenciada em Estudos Portugueses e Lusófonos pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e mestre em Língua e Cultura Portuguesa – PLE/PL2. Leitora no ISCTE.