O itálico na pontuação - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
O itálico na pontuação

Fui confrontada recentemente com uma posição à qual não soube reagir. Dizia-me o meu interlocutor que, nos textos, se a última palavra de uma frase está em itálico, a pontuação adjacente (naquele caso era um ponto de interrogação) fica também em itálico.

Não me lembro de ver exemplos disto, e, como preceito, pareceu-me insólito, mas o meu interlocutor asseverou que assim era.

Existe alguma regra que vá explicitamente neste sentido? E, em caso afirmativo, ela aplica-se a todos os sinais de pontuação (vírgulas, etc.)? E quanto às chamadas para notas junto a expressões italizadas, também se italizam? (Relativamente a estas, o Word, por predefinição, italiza-as.)

Muito obrigada por qualquer pista que ajude a dissipar esta dúvida desconcertante e também pelo vosso excelente trabalho.

Joana Silva Revisora Lisboa, Portugal 4K

De acordo com o Código de redação interinstitucional, «o itálico emprega-se sobretudo para destacar».

Assim, dependerá sempre do contexto italicizar, ou não, os sinais de pontuação. Deste modo, se estes fizerem parte integrante da passagem a destacar, deverão, como é óbvio, surgir igualmente em itálico (ex.: «Se existir uma história daqui a alguns anos e eu fizer parte dela, atrevo-me a dizer que Quem tem medo de Virginia Woolf? será a peça que melhor se identifica com o meu nome» (Edward Albee, Quem tem medo de Virginia Woolf?, Publicação do Teatro Nacional D. Maria II).

Por outro lado, se os sinais de pontuação não fizerem parte integrante da passagem a destacar, isto é, se forem uma necessidade do texto do próprio enunciador, julgo que não deverão, por princípio, ser italicizados (ex.: «Um dos meus livros preferidos é, sem dúvida, Quem tem medo de Virginia Woolf?.» — neste caso, creio que o ponto final, não fazendo parte do excerto a destacar, não deverá surgir em itálico).

Pedro Mateus