Elisão - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Elisão

Confesso que não entendi a «elisão do e de proporcione». Cf. Uso da crase.

Obrigado.

João Arco Telles Portugal 5K

Vejamos:

(a) «(...) que proporcione a empresa (...)»

(b) «(...) que proporcion'a empresa (...)»

A frase (a) pronunciamo-la como vemos na frase (b), isto é, não pronunciamos o e. Chama-se a este fenómeno elisão do e, porque o elidimos. Contracção é outra coisa:

(c) Hoje não vou à escola. (= Hoje não vou a a escola).

Na frase (c), temos a contracção da preposição a com o artigo definido a: duas vogais fundiram-se numa só.

José Neves Henriques