Padre António Vieira - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Padre António Vieira
Padre António Vieira
2K

Padre António Vieira (Lisboa, 1608 – Salvador, 1697) Foi um religioso, filósofo escritor e orador português da Companhia de Jesus. Como político e orador defendeu os direitos dos povos indígenas e evangelizou-os e defendeu também o direito dos judeus. A sua obra literária passa pela redação de muitos sermões com grande importância no barroco português e brasileiro. Assim, temos: Sermão de Nossa Senhora do Ó (1640), Sermão de São José (1642), Sermão de Santo António aos Peixes.

 
Textos publicados pelo autor

Excerto da obra «Sermão da Sexagésima» No excerto Padre António Vieira fala do estilo do discurso que pode não ser percetível a todos quanto o ouvem. 

No excerto do Sermão do Bom Ladrão, de Padre Atónio Vieira, está patente a alegoria feita com alguns verbos e a sua conjugação. Num jogo de palavras, Padre António Vieira vai brincando com o verbo furtar,  por exemplo, usando-o assim para exemplificar outras situações.

No  "Sermões e Lugares Selectos", Padre António vieira refere que quando o diabo caiu do céu, coube a Portugal a língua dele que ao menos assim nos entendem as nações estrangeiras, que de mais perto nos tratam.