João Lopes - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
João Lopes
João Lopes
105

Crítico de cinema, encenador, professor e realizador. Aos 18 anos, foi assistente de realização de Eduardo Geada. Crítico de cinema desde 1973, trabalhou para várias publicações, entre as quais se destacam as revistas Seara Nova e Cinéfilo, e os jornais República, A Luta e Expresso. Participou na escrita de dois filmes de Fernando Lopes: Lá Fora (2004) e 98 Octanas (2006). Foi responsável pela programação de Cinema de Guimarães 2012 – Capital Europeia da Cultura. É professor da Escola Superior de Teatro e Cinema. Escreve, atualmente, para o Diário de Notícias.

 
Textos publicados pelo autor
Os filmes são coisas filmadas…
Os verbos filmar e gravar na área do cinema

«Que faz com que já não se fale em filmagens, havendo cada vez mais discursos que descrevem os filmes como resultado de uma gravação? Deparamos mesmo com membros da mais antiga e admirável aristocracia cinematográfica – refiro-me aos actores e actrizes – a dizerem que estiveram a gravar um filme.» É com base nesta premissa que o autor, o crítico de cinema João Lopes, escreve acerca do desuso de alguns termos na área do cinema para dar lugar a outros, num artigo publicado no Diário de Notícias em 19 de setembro de 2021 (mantém-se a ortografia de 1945, seguida pelo autor).