Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Carlos Góes
Carlos Góes
522

Carlos Góes (Rio de Janeiro, 1881 – 1934) foi um poeta, dramaturgo e dicionarista brasileiro, autor do Dicionário de Galicismos (1921), que registava o uso de palavras francesas em língua portuguesa nos anos 20 e 30 no Brasil.

 
Artigos publicados pelo autor

Duas curiosas singularidades oferecem os vocábulos acima:

a) são universitários, isto é: incorporam-se ao léxico de todas as línguas, — salvo tal ou qual diferenciação subtil na tonalidade da vogal aposta às consonâncias iteradas: ora oral aberta, ora oral fechada e ora nasal.