Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Nova plataforma digital
promove o estudo de disciplinas basilares
para alunos dos 4.º, 6.º e 9.º anos de escolaridade em Portugal
CiberEstudo já disponível com mais de 2600 exercícios,
explicações e jogos interativos de Português e de Matemática
Por Informa+/Ciberdúvidas da Língua Portuguesa 1K

Sob a iniciativa da Associação Ciberdúvidas da Língua Portuguesa, a colaboração da Associação de Professores de Matemática e a graças ao patrocícínio mecenátivo da Fundação Vodafone, ficou já disponível  uma nova plataforma  que serve de complemento de estudo para as disciplinas de português e matemática, dirigida, numa primeira fase, a alunos dos 4.º, 6.º e 9.º anos da escolaridade em Portugal.

O CiberEstudo, assim se designa a nova plataforma, promove o desenvolvimento da aprendizagem de conteúdos e desempenhos das disciplinas de Língua Portuguesa e de Matemática, com conteúdos alinhados com o programa aprovado pelo Ministério da Educação. Presentemente, a plataforma dispõe, no total, de mais de 2600 exercícios com dicas e explicações sobre resultados obtidos, bem como 72 exames e testes.

Para além da área de estudo, composta de blocos de exercícios interativos, da área de avaliação, onde se disponibilizam os testes e exames de correção automática e humana, a plataforma disponibiliza também uma área de jogo com vista à consolidação de conhecimentos de uma forma divertida.

Esta ferramenta, que contempla a organização formal das metas curriculares, distingue-se pela abundância de atividades lançadas ao aluno, pela possibilidade de o aluno ver as suas respostas classificadas por professores-corretores e pela interação com os encarregados de educação (através de relatórios sobre o desempenho dos seus educandos).

«Caminhamos para um futuro cada vez mais tecnológico e interativo e, como tal, as novas tecnologias devem ser desenvolvidas para serem um importante aliado na construção do conhecimento e até mesmo nas práticas educativas», sublinha Mário Vaz, presidente da Fundação Vodafone Portugal. E acrescenta: «Os jovens são, por natureza, abertos a novas experiências dinâmicas e enriquecedoras, pelo que esta ferramenta será seguramente um poderoso aliado no seu processo formativo».

Para José Manuel Matias, da Associação Ciberdúvidas, «o atual modelo pedagógico de ensino pode ser alavancado se colocarmos as novas tecnologias ao serviço dos métodos de estudo», pormenorizando os conteúdos já disponíveis nesta plataforma: «Mais de 2600 exercícios interativos, com testes e exames que poderão ser corrigidos por professores no prazo de 24 horas, e através da qual os encarregados de educação vão conseguir analisar o desenvolvimento dos seus educandos (é uma ferramenta opcional)».

Fonte

in Informa+, de 28/05/2017, com edição de Ciberdúvidas da Língua Portuguesa.