Nova gramática da língua portuguesa apresentada em Lisboa - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Início Aberturas Abertura
Nova gramática da língua portuguesa apresentada em Lisboa
Nova gramática da língua portuguesa apresentada em Lisboa
Por Ciberdúvidas da Língua Portuguesa 345

Noticia-se a primeira apresentação pública da Gramática do Português no dia 28 de outubro, pelas 11h00, na Fundação Calouste Gulbenkian, no âmbito da Conferência Internacional de Educação 2013 – O Livro e a Leitura, Desafios da Era Digital. Este trabalho, coordenado pelo Centro de Linguística da Universidade de Lisboa e pela referida fundação, vai também marcar presença na Reitoria da Universidade de Lisboa durante a 2.ª Conferência Língua Portuguesa no Sistema Mundial.

Outros acontecimentos calendarizados:

– em 7 de outubro, o lançamento do Dicionário de Arabismos da Língua Portuguesa, do poeta e arabista Adalberto Alves, no Palácio Foz, em Lisboa;

– na mesma data, até 8 de outubro, a conferência internacional Dicionários Que não Existem na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (lista de participantes e comunicações aqui).

Uma tem forma arcaica ainda viva em certos dialetos do português (também em galego, geralmente com a grafia unha). O aposto (ou modificador apositivo) pode fazer parte do sujeito ou do complemento direto. Um complemento verbal, introduzido por preposição e não substituível por lhe, é um complemento oblíquo. É o que os nossos consulentes podem saber pela nova atualização do consultório, também disponível no Facebook e por uma aplicação para smartphones.

 Um serviço sem fins lucrativos, gratuito e de livre acesso, não dispensa o contributo dos seus consulentes. Como ajudar, então, o Ciberdúvidas a continuar como espaço de informação, esclarecimento e debate à volta da língua portuguesa? Muito simples... Basta clicar no botão "Faça aqui o seu donativo" (em cima, à direita; mais informação aqui). Os nossos  agradecimentos pela generosidade.

??