"Hematoquézia" e hematoquezia - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
"Hematoquézia" e hematoquezia

Para designar a saída de sangue pelo ânus utiliza-se a palavra rectorragia. Se o sangue é escuro chama-se melena, palavra que se encontra em qualquer dicionário, e para designar sangue vermelho vivo utiliza-se hematoquésia ou hematoquézia, mas que nunca encontrei em nenhum dicionário.

Carlos Carvalheira médico Faro, Portugal 5K

A palavra "hematoquézia" significa a passagem de fezes com sangue (cf. Dicionário Médico "Stedman's"). Habitualmente utilizamos a expressão "hematoqueze" para designar a existência de fezes com (revestidas de) sangue.

N. E. (7/05/2016): O Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa (VOLP) da Academia Brasileira de Letras (ABL) regista hematoquezia; os vocabulários ortográficos elaborados em Portugal não acolhem o termo. Observe-se que o dicionário de Termos Médicos da Porto Editora (disponível na Infopédia) consigna "hematoquecia" (formado pelos elementos de composição de origem grega  hemato-, «sangue», quez-, do grego chézein, «defecar, e -ia), mas é provável que esta forma replique a espanhola hematoquecia, que se lê com acento tónico na sílaba que ("hematoquécia"). Contudo, entre línguas românicas que refletem – ao contrário da espanhola, mas como a portuguesa – o contraste etimológico entre s e z, vemos que se escreve z, e não s nem c: em catalão, hematoquèzia; em francês, hématochézie. Em português, deve, portanto, escrever-se a palavra correspondente com z; além disso, dado que, a terminação de origem grega -ia tem, ainda em português, acento tónico no i (cf. anemia, disquezia, glicemia, leucemia), afigura-se mais adequado escrever hematoquezia, como propõe o VOLP da ABL. Mesmo assim, é de prever que entre profissionais da saúde se tenha generalizado o uso de "hematoquézia", como sugere a resposta acima, talvez por analogia de exemplos como "hipoglicémia" (em vez de hipoglicemia).

R.A.M.