Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
A tradução e a origem da expressão francesa "Maudit soit qui mal y pense"

 "Maudit soit qui mal y pense!" Qual o significado desta expressão francesa?

Pedro Rapazote Portugal 4K

Esta expressão francesa significa: «Maldito seja quem pensa mal a esse respeito!»; «Maldito seja quem põe maldade nessa atitude!»

No entanto, penso que o nosso consulente talvez se queira referir à frase "Honni soit qui mal y pense!", que é a divisa da Ordem da Jarreteira e que significa: «Envergonhe-se quem pensa mal disto!»; «Seja desprezado quem pensa mal a este respeito!»; «Maldito seja quem põe maldade onde ela não existe!» Esta expressão é hoje normalmente utilizada para prevenir, muitas vezes de forma irónica, as críticas daqueles que estejam tentados a ver o mal nas propostas ou nos actos mais honestos.

Esta expressão, como acima dito, é a divisa da Ordem da Jarreteira, uma ordem militar instituída em Inglaterra no século XIV e que tem como insígnia uma liga (ou seja, uma jarreteira). É obscura a origem desta divisa, existindo, no entanto, uma lenda em que se conta que, por ocasião de um baile, caiu a liga à condessa de Salisbury, dama da corte de Eduardo III, e que o rei rapidamente se baixou para a apanhar e lha entregar, tendo isto dado motivo a riso e graças por parte dos presentes, o que terá levado o rei a exclamar: "Honni soit qui mal y pense!"

Maria Regina Rocha